Política

João Filho toma posse em Itaberaba

Decisão do TSE fez João Almeida M. Filho, o candidato mais votado nas eleições de 2008, ser empossado ontem à tarde como o novo prefeito de Itaberaba.

O novo prefeito de Itaberaba, João Almeida Mascarenhas Filho (DEM), foi empossado ontem à tarde na Câmara de Vereadores. Após a posse, João Filho seguiu em passeata para a Prefeitura Municipal, onde deu posse ao seu secretariado.  

Desde a noite da última terça-feira (9) que município de Itaberaba, localizado na entrada da Chapada Diamantina, está em festa. Assim que soube da decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que julgou o Recurso Especial apresentado por João Filho contra a decisão do TRE-BA, que havia cassado a sua diplomação em dezembro do ano passado e impedido a sua posse em janeiro deste ano, a população foi às ruas em passeata e soltando fogos de artifícios.

No julgamento de ontem, a Corte Suprema acolheu por 5 votos a 2 as alegações dos advogados José Eduardo Alckmin e Bruno Adry, entendendo que o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) havia laborado em equívoco ao indeferir o registro de candidatura pela vida pregressa e por um suposto trânsito em julgado. João Almeida Mascarenhas Filho assumiu a prefeitura no lugar de Sólon Ribeiro (PV), que foi derrotado por ele nas eleições de 2008 com mais de 2.500 votos de frente.

População ainda comemora  

A população da cidade de Itaberaba continua em festa, já que desde o inicio deste ano ela aguardava com ansiedade a posse de João Almeida Mascarenhas Filho, que foi apoiado na eleição de 2008 pelo ex-prefeito Jadiel Mascarenhas. Durante todo esse período, a população fez várias manifestações pelas ruas da cidade pedindo justiça e agilidade no julgamento do processo por parte do TRE-BA.

Ontem, quando a notícia chegou à cidade, a população começou a se aglomerar nas ruas centrais para comemorar a aguardar a chegada de João Filho e Jadiel Mascarenhas, que viriam de Brasília. As comemorações avançaram a madrugada e ainda continuam em todo o município, reafirmando a vontade do povo demonstrada nas urnas em outubro do ano passado.  

Desde que o processo foi transferido para Brasília que João Mascarenhas Filho se deslocou para lá para acompanhar o julgamento de perto. E quando o vice-procurador-geral eleitoral, Francisco Xavier, opinou que o TSE deveria confirmar o deferimento do prefeito eleito de Itaberaba, a população começou a sentir firmeza, na esperança de que a justiça, finalmente, seria feita. 

Por Evandro Matos

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: