Cultura

Jequié resgatou o verdadeiro São João

A cidade de Jequié voltou ao normal depois das festas juninas, que começaram desde o dia 1º de junho com a Festa de Santo Antônio e se estenderam até o dia 25.

O São João teve como tônica principal o respeito às tradições nordestinas. A presença de artistas como Alcymar Monteiro e Adelmário Coelho, apresentações de quadrilhas e a homenagem ao ritmista Jackson do Pandeiro evidenciaram essa preocupação. A proposta de promover uma festa tradicional, animada pelo chamado forró pé-de-serra, com sanfona, pandeiro e triângulo, será uma marca da atual administração municipal.

O prefeito Luiz Amaral e o secretário da Cultura e Turismo de Jequié, Bené Sena, entendem que é função da Prefeitura oferecer à população e ao turista a oportunidade de conhecer o que realmente é o São João tradicional. Tanto que, além do grande São João da Praça da Bandeira, o Município faz questão de manter a programação especial da denominada Vila Junina, realizada na Praça Rui Barbosa, com bandas locais e apresentação de quadrilhas.

Este ano, o São João de Jequié teve como tema central o ritmista Jackson do Pandeiro que, a exemplo de Luiz Gonzaga, contribuiu para a projeção da música nordestina para todas as regiões do Brasil. E o resultado de tudo isso foi um São João totalmente participativo, onde as pessoas puderam brincar de verdade.

Além do prefeito Luiz Amaral, que se sensibilizou com a proposta de promover um São João resgatando e mantendo as suas verdadeiras tradições, merecem aplausos também Alisson Andrade e o secretário da Cultura, Bené Sena.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: