Cultura

Bonfim anuncia mudanças no São João

As duas novidades do São João 2009 de Senhor do Bonfim, o Forrobodó e o Forró no Trem, que foram sucesso de aprovação, vão ser melhoradas para os festejos juninos do próximo ano.

A idéia do comitê organizador da festa é: “o que era bom vai ficar ainda melhor, show de bola!”.

Forrobodó – o espaço, que serviu para a concentração de belos espetáculos culturais, como casamento do matuto e desfile de carroças, de artesanato e de shows de artistas da terra, com repentes, bandas e sanfonas, deve acontecer em outra praça. Idealizado pelo comitê organizador do São João 2009, o Forrobodó tem como meta para os festejos do ano que vem proporcionar uma melhor estrutura para os “forrozeiros”. O local para abrigar a festa ainda está sendo estudado.

“O Forrobodó serviu também para mostrar, principalmente aos jovens que queriam atenção, colocando aqueles sons promíscuos em seus carros, que esse tipo de atitude não tinha mais espaço ou audiência aqui em Bonfim e ficamos muito felizes em ver como os bonfinenses e turistas ficaram orgulhosos com mais essa atração dos nossos festejos juninos, que já está consagrada”, afirma um dos participantes do comitê organizador da festa e um dos coordenadores da Casa do São, João Fernando Coelho. 

Forró no Trem – o projeto, trazido a Senhor do Bonfim graças à iniciativa do prefeito Paulo Machado, deve ser expandido em 2010. As viagens, que esse ano só aconteceram no dia 24, deverão ser ampliadas para três dias: 22, 23 e 24 de junho. Além disso, serão colocadas mais três classes de luxo e o objetivo é fazer com que elas permaneçam em Senhor do Bonfim.

Elas servirão de bibliotecas para pesquisas sobre as ferrovias do Brasil e, aos domingos, devem passar pelas estações das redondezas: de Cariacá, Carrapichel e da Missão (que adentra a Serra do Espinhaço, uma das áreas mais bonitas e visitadas da região). Destaque na Bahia, o Forró no Trem promete ser a grande atração de 2010, movimentando esse novo comércio e essa nova opção do turismo baiano.

“A grande caminhada começa com o primeiro passo. Esse ano foi o primeiro passo e a expansão das classes, roteiro e dias de viagem vai representar mais que um diferencial para a cidade: uma forma de proporcionar novas experiências para quem nunca andou de trem e promover conhecimento. Por estas razões, vamos lutar para que os governos estadual e federal e a Ferrovia Centro Atlântica nos ajudem a colocar em prática nosso projeto”, finalizou Fernando Coelho.

Com informe do Município

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: