Economia

Alagoinhas terá estação de transbordo

A Prefeitura de Alagoinhas pretende instalar a estação de transbordo em um terreno atrás da Loja Barreto, parte antiga da Cesta do povo, próximo ao centro da cidade.

Para o êxito da empreitada é necessário que a Ferrovia Centro Atlântico – FCA, que possui a concessão para explorar as linhas ferroviárias de Alagoinhas, modifique o traçado da linha que passa no local.

Este foi o motivo da reunião entre o prefeito Paulo Cezar, os secretários Eduardo Alvarenga (Infra-estrutura), Sônia Fontes (Gerência de Projetos), o superintendente de Transporte e Trânsito, Alberto Menezes e representantes da concessionária. “A mudança dos trilhos dará condições para a construção de uma avenida, facilitando o tráfego na região”, disse Menezes.

Também foram tratadas alterações de passagem de nível em vários trechos da cidade, como no bairro 2 de Julho. Os representantes da FCA, Driele Machado, David Matos, João Paulo e Rodimilton Oliveira informaram que para todas as solicitações do órgão publico é necessário o envio de anteprojetos para a sede da empresa em Belo Horizonte, Minas Gerais. O prefeito Paulo Cezar garantiu que a Gerência de Projetos cumprirá, imediatamente, a formalidade. 

Ferrovia atravessa vários estados

A Ferrovia Centro-Atlântica (FCA) tem uma malha de 8 000 km de linhas e percorre os estados de Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Sergipe, além do Distrito Federal. Tornou-se concessionária do transporte ferroviário de cargas em setembro de 1996, a partir do processo de desestatização da Rede Ferroviária Federal.

Os principais produtos transportados pela FCA são: álcool e derivados de petróleo, calcário, produtos siderúrgicos, soja, farelo de soja, cimento, bauxita, ferro gusa, clínquer (cimento bruto), fosfato, cal e produtos petroquímicos.

To Top
%d blogueiros gostam disto: