Educação

Uneb Juazeiro- Alunos foram roubados

Estudantes da Uneb, em Juazeiro, escrevem carta à população em protesto contra a invasão e falta de assistência no campus. As alunas reclamam da falta de segurança na Residência Feminina Interna, que foi invadida na última terça (28), com o furto de vários pertences. A seguir, a integra da carta:

Vimos através desse documento, levar ao conhecimento as condições precárias de segurança no campus III da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), em Juazeiro. Na última terça-feira, 28 de julho, invadiram e furtaram a Residência Universitária Feminina Interna do Campus. Foram levados vários objetos como máquina fotográfica digital, cartão de crédito, cédula de identidade, aparelho de DVD, roupas e mochilas com pertences.

A casa estudantil, com quatro moradoras, localizada na zona periférica do campus, se encontra a mais de 100 metros de distância de todo o complexo administrativo, da guarita de segurança, da biblioteca e dos laboratórios. A estrutura física não oferece fechaduras adequadas. As janelas e portas não possuem travas internas e as grades que as protegem foram custeadas pelas próprias alunas. Essas instalações rememoram a antiga estrutura dos engenhos coloniais do século XVIII, em que a senzala ficava aquém do centro, local da Casa do senhor.

Os muros da universidade são baixos e a guarita mais próxima à casa foi desativada há muito tempo. O caminho de acesso à residência está sem iluminação e circundado por um grande matagal, o qual impede a visibilidade dos transeuntes. As moradoras solicitam frequentemente providências como iluminação adequada, poda de árvores, limpeza do matagal, e segurança para no mínimo acompanhá-las à noite, quando retornam das aulas e do trabalho.

Após o ocorrido nesta terça-feira, as residentes estão sendo remanejadas para a residência universitária feminina externa que ficará superlotada e sem condições de oferecer o espaço adequado para um mínimo de bem estar.

Esta carta foi concebida como instrumento de um processo mobilizatório absolutamente necessário, aberto à participação ampla e ativa de todos os interessados em garantir uma moradia digna e apropriada às necessidades das residentes.

Kátia Brito 

Laura Ferreira (residente)

Naiara Soares

Elialdo (residente)

To Top
%d blogueiros gostam disto: