Polícia

Brasil – Corpo de vítima de ataque de cães é sepultado em Pernambuco

Foi sepultado na manhã desta quarta-feira (2) o corpo da adolescente Janiele Maria da Costa, de 16 anos, no Cemitério de Condado, zona da Mata Norte de Pernambuco.

Ela morreu na tarde da última segunda-feira, no Hospital da Restauração (HR), no Recife, em consequência de hemorragia causada pelas perfurações na cabeça, face, braços e barriga causadas por mordidas de quatro cães.

Parentes da vítima estavam inconformados com o ocorrido. “Estou muito infeliz, porque perdi minha filha, que tinha tanto tempo para viver, e ninguém sabe quem vai responder por isso”, lamentou o pai de Janiele, o agricultor Severino Francisco da Costa, de 49 anos, que precisou ser carregado por amigos para chegar ao cemitério.

O marido de Janiele, Isalrino Ramos da Silva, de 19 anos, disse que os cachorros estavam sem comer desde a noite do último sábado. Ele trabalha como caseiro no Engenho Calugi, na Zona Rural de Goiana, onde os cães estavam soltos. O ataque teria acontecido fora das dependências do engenho. Janiele e o marido moravam no local.

De acordo com o delegado de Goiana, Salustiano Cavalcanti, ao contrário do que foi divulgado anteriormente, os quatro cães não eram todos da raça pit bull. Havia um casal, sendo a fêmea da raça rottweiler e o macho vira-lata, com predominância de pit bull, e dois filhotes, também vira-latas. O delegado acredita que apenas o casal participou do ataque, uma vez que os filhotes são considerados cachorros mansos.

Um inquérito foi aberto na Delegacia de Goiana para apurar a morte. Quatro pessoas já foram intimadas pelo delegado titular a prestar depoimento. Na hora do ataque, a vítima estava sozinha. Ninguém sabe precisar quanto tempo Janiele ficou agonizando na área, próxima à casa grande do engenho.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas