Política

A viagem providencial de Dom Cappio

No dia da ida do presidente Lula e sua comitiva à cidade de Barra, o polêmico bispo Dom Cappio será ausência confirmada.

A personalidade mais famosa de Barra (BA), Dom Luiz Flávio Cappio, que fez greve de fome de 23 dias, em dezembro de 2007, contra a obra de transposição do São Francisco, será a ausência mais comentada na festa preparada para receber hoje o presidente Lula e sua comitiva.

Nos governos federal ou estadual não se admite que foi providenciada uma saída estratégica do polêmico bispo, mas desde sábado ele está em Barreiras, cidade do Oeste da Bahia, para alívio da comitiva presidencial.

A suspeita é de que o governo baiano e políticos ligados ao ministro da Integração, Geddel Vieira Lima, teriam facilitado para que Dom Cappio estivesse fora de Barra. O bispo tem evitado entrar nessa polêmica.

A informação da Igreja Católica é que Dom Cappio participa, em Barreiras, de um encontro de dioceses de Barra, Bom Jesus da Lapa, Irecê e Barreiras que acontece todos os anos, e que já estava marcado há algum tempo.

De Luiza Damé e Chico de Gois, do jornal O Globo.

To Top
%d blogueiros gostam disto: