Cultura

Lula defende competição e diz que Record sofre preconceito

Nesta quarta-feira (28/10), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou da inauguração do novo complexo de estúdios de novelas da Record no Rio de Janeiro.

Em discurso, afirmou que a emissora foi vítima de preconceito e ressaltou a importância da competição no mercado televisivo brasileiro.

“Não seria bom para o Brasil que a gente tivesse apenas uma televisão dando informações (…). Essas alternativas é que estão permitindo que o povo brasileiro não seja vítima de alguns formadores de opinião pública que não querem formar a opinião pública, mas que querem induzi-la a um pensamento único, a uma verdade única, sem permitir que as pessoas tenham possibilidade de ter opções de informação”, afirmou.

De acordo com o presidente, a inauguração do novo estúdio mostra que a emissora “acredita no Brasil” e serve de resposta para quem não acreditou nos investimentos feitos pela Record. “Eu acompanho os meios de comunicação no Brasil e sei o quanto a Record e o povo da Record foram vítimas de preconceito”, disse o presidente.

To Top
%d blogueiros gostam disto: