Polícia

Padrasto nega ter colocado chumbinho que matou crianças

Principal suspeito de ter colocado o veneno no pão, acusado diz que só teve conhecimento do fato já no fim da noite, por volta das 22h. Polícia continua investigando.

Célio Pereira dos Santos, 25 anos, principal suspeito de ter colocado chumbinho dentro de um pão e deixado em casa para matar ratos, que causou as mortes das crianças Felipe de Jesus Farias, 4,  e Joanderson Silva Duvale, 3, apresentou-se na manhã de ontem na delegacia acompanhado com seu advogado Renildo Brito. A acusação foi feita por Fábia de Jesus Santana, 20, companheira de Célio e mãe das crianças.

Em depoimento ao delegado Matheus Souza, responsável pela investigação, Célio negou todas as acusações feitas contra ele. O acusado afirmou que saiu na manhã de sábado e ao retornar do trabalho foi para a casa da avó, onde permaneceu até por volta de 22 horas, e, ao retornar para casa, foi informado por um amigo de que Felipe tinha falecido.

Segundo o acusado, ao saber do ocorrido, se dirigiu ao Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) e ao chegar soube que Bruna de Jesus Santana, 2, irmã de Felipe, estava passando mal, bem como Joanderson. Segundo ainda o relato do acusado, o mesmo passou a noite toda em companhia das crianças no hospital, sendo que na manhã de domingo (1), ele teria passado na delegacia e perguntou a Fábia se ela tinha idéia de quem poderia ter colocado o pão com chumbinho em casa para matar ratos e ela voltou a responder que não sabia.

Investigação           

O delegado Matheus Souza afirmou que as investigações continuam e todos adultos que residem na casa serão ouvidos pela polícia. “Ao descobrir quem foi que colocou o chumbinho dentro do pão, o acusado vai ser autuado por homicídio culposo, já que não tinha a intenção de matar e porque também foi comprovado por policiais que no local existem ratos. No momento em que a polícia fazia a perícia no interior da casa, os peritos e policiais encontraram ratos dentro de panelas onde os moradores cozinham alimentos”, finalizou.

Informações do Jornal Folha do Estado

To Top
%d blogueiros gostam disto: