Economia

Feira de Santana – Centro comercial passa por ordenamento

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico tem atuado em todo centro comercial de Feira de Santana procurando ordená-lo e permitindo que as pessoas comercializem seus produtos, inclusive na praça D. Pedro II, a Praça do Nordestino. Hoje há aproximadamente 50 comerciantes informais na praça e todos eles estão em atividade.

Estes vendedores comercializam lanches, confecções, outros são chaveiros entre profissionais do mercado informal. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Euclides Arthur Andrade, várias reuniões são realizadas periodicamente com estes comerciantes.

“O Município e o prefeito Tarcízio Pimenta entendem que este é o meio de vida dos vendedores e eles precisam daquela atividade. É um emprego para sustentar sua própria família. A gente vem buscando um consenso entre eles e os lojistas instalados na praça”, afirma.

Mas o secretário faz um alerta. Se as barracas forem abandonadas, o secretário explica que o proprietário é notificado, sendo obrigado a procurar a Secretaria para regularizar a situação. Além disso, a barraca pode ser removida.

“Se houvesse barracas abandonadas na praça do Nordestino, com o número de pessoas que procuram barracas para se instalar, elas já teriam adentrado nas que estão abandonadas”, ressalta o secretário.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas