Interior da Bahia

Polícia

Riachão: Jovem desconhecido é morto a facadas na barragem

crimeO crime aconteceu por volta das 12h deste sábado (25), na Barragem Grande de Riachão do Jacuípe. Segundo informações, Marcos S. da Silva estaria na barragem acompanhado da vítima quando os dois teriam começado a discutir e entrado em vias de fato. Marcos acabou dando uma facada no jovem, que não teve o nome revelado por estar sem documentos.

De acordo com o blog Hora da Verdade, a vitima, que aparentava ter entre 19 a 25 anos, ainda foi socorrida por populares para o Hospital Municipal de Riachão do Jacuípe, mas deu entrada na unidade sem vida. Seu corpo foi encaminhado para a “pedra”, onde aguardou a remoção pelo rabecão para o DPT de Serrinha.

Ainda de acordo com o blog, o acusado do crime foi apreendido no local por populares e barraqueiros que acionaram a Policia Militar. Esta foi até o local e prendeu Marcos em flagrante. Ele estava ferido na cabeça e foi levado pelos policiais também para o mesmo hospital, onde recebeu atendimento e depois encaminhado para a Delegacia de Riachão do Jacuípe, mas deverá ser transferido para Serrinha.

“Paraíba” e “Paraná”

Segundo apurou a reportagem, a vitima teria sido vista em um parque de diversões que chegou recentemente na cidade. O responsável (Danilo) informou que o mesmo era conhecido pelo apelido de “Paraíba”, o que pode dar pistas de sua origem. Mas Danilo disse que “o jovem nunca deu detalhes de sua vida, apenas chegou pedindo emprego ou comida, pois tinha fome”.

Sensível com a situação do jovem, que se disse andarilho e artesão de artefatos hippie, Danilo permitiu que ele ajudasse em alguns pequenos serviços em troca de comida, como lugar para dormir e onde vender seus artesanatos. Contudo, desde a noite dessa sexta-feira (24) que o jovem não tinha sido mais visto.

Caso não seja reconhecida, a vítima poderá ser enterrada como indigente. Por outro lado, o autor do crime teria aparecido na cidade na noite da ultima quinta-feira (23) e, segundo ele informou no hospital, era do interior do Paraná.

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas