Esporte

Cruzeiro bate Grêmio e decide a Copa do Brasil com Flamengo

Os cruzeirenses jamais se esquecerão da insana noite desta quarta-feira, 23 de agosto de 2017. Jamais se esquecerão da defesa de Fábio nos primeiros minutos da partida contra o Grêmio. Jamais se esquecerão do gol de Hudson, que possibilitou ao time vencer por 1 a 0 no tempo normal e levar para os pênaltis a disputa pela vaga na decisão da Copa do Brasil.

Nem os erros de Robinho e Murilo no tiro de 11 metros serão esquecidos. Talvez sejam perdoados. Isso porque Fábio, que não havia acertado o canto nas quatro primeiras cobranças do Grêmio, pegou com o pé esquerdo o chute do craque Luan, tão cobiçado por grandes clubes do futebol europeu. E Thiago Neves, responsável pela assistência para Hudson no segundo tempo, encarregou-se de executar a batida final. Dessa vez não deu para Marcelo Grohe, que se agigantou em dois pênaltis e fez o que pôde. Mas a vaga na decisão é da Raposa – para a alegria dos mais de 55 mil torcedores presentes no Gigante da Pampulha. A vitória por 3 a 2 nas penalidades teve contribuição importante dos atacantes Rafael Sobis e Raniel. Os gols gremistas foram anotados por Fernandinho e Arthur.

O Cruzeiro se vingou da eliminação de 2016. Na base da luta e da força e vontade, superou um adversário por vezes frio e disposto a segurar o empate que lhe daria a classificação, já que a partida de ida, em Porto Alegre, terminou com triunfo gaúcho por 1 a 0. Desta vez, porém, não houve decepção para a torcida mineira, que teve papel de extrema importância com muitos gritos e cantos de incentivo. No fim, os aplausos merecidos para quem batalhou bastante e não se entregou em momento algum.

Com uniforme branco, o mesmo utilizado no título da Copa do Brasil de 1993 – justamente contra o Grêmio –, o Cruzeiro se garantiu na sétima decisão do torneio. Campeão também em 1996, 2000 e 2003, o clube celeste tentará o quinto título. O adversário é o Flamengo, que bateu o Botafogo por 1 a 0 no Rio de Janeiro. Os dois clubes já se enfrentaram na final do torneio, há exatos 14 anos. Melhor para a Raposa, que se sagrou campeã ao empatar por 1 a 1, no Maracanã, e vencer por 3 a 1, no Mineirão. A CBF sorteará os mandos de campo da decisão nesta quinta. Os jogos serão nos dias 7 e 27 de setembro. (Fonte: jornal O Estado de Minas).

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top