Política

Datafolha: se Lula não disputar, Ciro Gomes é o maior beneficiado

Muito importante a pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada neste sábado. Ao contrário do que se esperava, a grande novidade é que está aumentando o número de indecisos (46%) e de votos brancos e nulos (19%). Isso significa que apenas 35% dos eleitores já definiram seus votos e os candidatos têm de correr atrás de 46%, porque quem declara que vai votar branco ou nulo (19%) dificilmente volta atrás. Em tradução simultânea, pode-se dizer que a eleição ainda nem começou.

A candidatura de Lula deverá ser barrada, porque está previsto para o primeiro semestre o julgamento em segunda instância da condenação dele por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex no Guarujá, tudo indica que a sentença do juiz Sérgio Moro será confirmada e Lula estará fora, atingido pela Lei da Ficha Limpa.

SEM LULA – Diante da perspectiva de condenação e alijamento do petista, a pesquisa que merece maior atenção inclui esta pergunta: “Em quem você votará, se Lula não disputar a eleição?”. E o resultado foi muito interessante, mesmo.

No principal cenário sem Lula, o candidato Jair Bolsonaro aparece com 21%, seguido por Marina Silva com 16%, em situação de empate técnico com Ciro Gomes, que se beneficia de votos que eram de Lula e sobe para 12%. Geraldo Alckmin vem atrás com 9%, empatado tecnicamente com Alvaro Dias (5%). O ex-prefeito paulistano Fernando Haddad, possível substituto de Lula, ficaria com 3%, empatado tecnicamente com a Manuela D´Ávila , que teria 2%.

Detalhe da maior importância: nas simulações sem Lula, o voto em branco ou nulo sobe bastante, de 12% a 14% para 25% a 30%.

Post Script

1 – Uma conclusão óbvia sobressai: além da ausência de Lula aumentar o número de indecisos e também os votos brancos ou nulos, o candidato Ciro Gomes é mais beneficiado do que o próprio petista que substitui Lula – no caso, o ex-prefeito Fernando Haddad.

2Conclusão final: Se Lula ficar mesmo de fora e mandar que os petistas votem em Ciro Gomes, o candidato do PDT passará a ter chances muito concretas de vitória. E o presidente do PDT, Carlos Lupi, então repetirá o papel ridículo que fez com Dilma Rousseff e vai sair gritando: “Ciro, eu te amo!”.

Carlos Newton – Tribuna da Internet

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top