Política

PSTU lança operária sapateira como pré-candidata à Presidência

O PSTU terá uma chapa presidencial com uma mulher negra e nordestina na disputa eleitoral de outubro. De acordo com informações da assessoria da legenda, está lançada a pré-candidatura da operária sapateira Vera Lúcia à Presidência da República. Comunicado do partido afirma que “Vera é uma reconhecida ativista sindical e política de Sergipe” e que ela aparece “em primeiro lugar em pesquisa espontânea para o governo do estado”.

Informações do comunicado ainda afirmam que Vera tem 50 anos e é natural do Sertão pernambucano. Ela migrou com parte da família para a periferia de Aracaju, fugindo da seca. Aos 19 anos, começou a trabalhar como costureira na produção de sapatos, iniciando aí sua militância sindical. Foi expulsa do PT em 1992 por defender o “Fora Collor” junto com a corrente que daria origem ao PSTU dois anos depois, acrescenta o texto.

Já para a vice-presidência, o PSTU indicou Hertz Dias, professor da rede pública. Natural da região metropolitana de São Luís (MA), ele tem 47 anos. É militante do movimento negro, em especial no hip hop. É um dos fundadores do Movimento Hip Hop Militante Quilombo Brasil, e integrante e vocalista do grupo Gíria Vermelha, conhecido no segmento por suas canções de protesto “repletas de críticas sociais”.

Além disso, o PSTU lançou, ainda, o manifesto “Um chamado à rebelião! Um projeto socialista contra a crise capitalista”. Segundo o partido, “o objetivo é discutir com o ativismo, nas fábricas, escolas e periferias, a construção de um programa socialista nas eleições de 2018”.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: