Educação

Diretor geral vai deixar a direção do Instituto Anísio Teixeira – IAT

O professor Desiderio de Melo, diretor geral do Instituto Anísio Teixeira-IAT, deverá entregar o cargo no próximo dia 02 de abril. A decisão, anunciada na manhã desta terça-feira (20), pegou todos de surpresa, principalmente os funcionários do órgão.

Contudo, o diretor alega que a ideia já vinha sendo avaliada há dias, e que a decisão de sair foi tomada em razão de precisar se desincompatibilizar por estar escrito como pré-candidato ao Senado pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT) nas próximas eleições.

Segundo Desiderio Melo, embora a direção estadual do PDT não tenha se manifestado sobre a sua inscrição como pré-candidato, os seus apoiadores decidiram que ele deve deixar o cargo em função da legislação eleitoral, que determina que candidatos só podem ficar em cargos de direção, na administração pública, até 07 de abril de 2018.

Apoios

A pré-candidatura do Professor Desiderio Melo foi lançada meses atrás com amplo apoio dos movimentos sociais do PDT, como movimento da juventude, de mulheres, dos negros e dos aposentados.

Disposto a levar a ideia diante, Desiderio aguarda uma posição da direção nacional do partido, que é quem dá a última palavra sobre o assunto, o que pode ocorrer somente depois do prazo de desincompatibilização. Assim, a base partidária julgou mais prudente ele deixar o cargo de diretor do IAT dentro do prazo previsto pela lei eleitoral.

A tese de candidatura ao Senado lançada pelo Professor Desiderio passa também pela necessidade de abrir espaço para um palanque de Ciro Gomes, que é pré-candidato a presidente pelo partido e busca consolidar o seu nome no Estado.

Quem é

Professor Desiderio Bispo de Melo, também conhecido por Dedé, é formado em história e direito e professor da rede estadual de ensino desde 1998.

Desiderio é militante do PDT desde 1985, fundador do Movimento Negro do PDT da Bahia, ex-dirigente sindical e ex-secretário geral do partido no Estado.

Antes de assumir a direção do Instituto Anísio Teixeira, foi assessor da presidência da CompanhIa Bahiana de Pesquisa Mineral-CBPM. Desiderio também teve passagens pela Embasa e antiga Embratel.

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: