Polícia

Riachão: Suspeito de participar de assalto é preso em hospital de Coité; outro é encontrado baleado

Um dos dois elementos que tentaram roubar celulares, próximo ao Mercantil Central, na Rua J. J. Seabra, no centro de Riachão do Jacuípe, na noite deste sábado (19), foi detido em flagrante pela Policia Militar, no Hospital Português, em Conceição do Coité, a cerca de 35 km deste município, onde procurou socorro.

Novas informações sobre a tentativa do assalto na rua J. J. Seabra, a 50 metros de Igreja Matriz de Riachão do Jacuípe, dão conta de que os elementos foram baleados durante a troca de tiros por um policial militar, mas mesmo assim conseguiram fugir. Os bandidos estavam em uma moto e antes da fuga tentaram tomar um carro e outros objetos, e depois partiram com destino a Conceição do Coité, onde um deles foi socorrido no Hospital Português.

Os dois elementos foram baleados na troca de tiros com o policial. Um deles, Rodrigo Alves Dias, vugo ‘Carioca’, 19 anos, teve fratura exposta no ombro e foi atingido também nas pernas. Informada, a guarnição da policia local se juntou à de Conceição de Coité para prender um dos suspeitos em flagrante.

Como foi o assalto

De acordo com as informações, os dois bandidos chegaram às imediações do Mercantil Central em uma moto, um se adiantou e anunciou o assalto, partindo para roubar os celulares e relógios de duas mulheres que estavam sentadas do lado de fora. Nesse momento, uma terceira mulher, que também estava com as vítimas, entrou no estabelecimento comercial para comunicar o assalto.

Enquanto um bandido ficou na moto, o outro foi para praticar o assalto. “Eu estava de costas e percebi um deles atrás de mim e logo entrei em luta com ele. O meu vizinho percebeu e já saiu atirando. Os dois correram, um levou um tiro no ombro e nas pernas e caiu, mas conseguiu se levantar e saiu correndo. Ele acertou um e depois acertou o outro, os dois foram baleados”, disse um morador da rua que pediu para não ser identificado.

Nesse momento, após ouvir os tiros, um Policial Civil saiu de sua residência, que fica numa rua próxima, e veio em socorro para prender os elementos, mas estes já estavam em fuga.

Apesar de terem ficado no meio do tiroteio as duas mulheres não foram feridas. “Eles atiraram, elas (as mulheres) deitaram e os tiros pegaram nas paredes. Aí, nessa situação, eu fiz essa loucura de me atracar com um deles”, disse o morador, apontando as marcas dos tiros na parede da casa.

Mais ação: “É um assalto, coroa!”

Após a tentativa de assalto, um dos bandidos fugiu pela Rua Cosme de Farias, no fundo da J. J. Seabra. Ao passar em frente à casa do policial civil, o bandido percebeu que o seu filho estava no carro e foi para tomar, mas o jovem agiu rápido e jogou o veículo sobre o elemento, que pulou e seguiu em fuga.

Mais adiante, na mesma rua, ele passou correndo com a arma nas mãos e ainda falou para um morador que estava na frente da residência: “É um assalto, coroa”, como se quisesse alertá-lo.

Ainda em fuga, os elementos entraram em um beco e saíram na Rua dos Correios, onde tentaram tomar uma moto e outros celulares. Depois os elementos desapareceram com destino a Conceição do Coité, pela BA-120. Um deles procurou socorro no Hospital Português, mas logo foi preso em flagrante.

Caído e sangrando

Informações chegadas à nossa redação dão conta de que um homem foi encontrado caído e sangrando, próximo a um rio da região. Há suspeita de ser o segundo elemento que participou da tentativa de assalto. Não há maiores detalhes.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: