Nordeste

Vereador é detido por desacato durante liberação da BR-116 no interior do Ceará

Dois homens foram detidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), nesta quinta-feira, 31, durante liberação da BR-116, em Tabuleiro do Norte, a 209,1 km de Fortaleza (CE). Um dos presos é um vereador da região, informou a PRF.

Após denúncias de que estaria obrigando, sob ameaças, caminhoneiros a participar das paralisações, um motorista foi abordado na BR-116, na altura do km 213. Após busca no veículo, foi constatado que ele trazia um galão de gasolina, que ele usaria para atear fogo em pneus, e objetos que ele jogaria na estrada para furar pneus.

Diante disso, o homem foi detido. Ele afirmou que estava “prestando apoio” ao movimento, porém negou as denúncias. Ao ser perguntado sobre a propriedade do veículo, o motorista afirmou que pertencia a um político local.

Momentos depois, o proprietário do veículo compareceu ao local e assumiu ser o dono do veículo, afirmando que havia disponibilizado o carro para prestar apoio ao movimento. Ele também informou ser dono de uma frota de seis caminhões que também estariam parados no movimento.

Ao insistir na liberação do seu carro, o político afirmou que a Polícia não o levaria, se posicionou à frente do carro para impedir o trabalho da equipe, permanecendo ali mesmo depois das ordens para se afastar. Ele teria, então, se alterado e levantado o tom de voz, o que configura crime de desacato. Diante disso, ele também foi detido e conduzido à Polícia Federal em Fortaleza.

A reportagem entrou em contato com a PRF para identificar o político, proprietário do veículo. A assessoria informou que não tinha recebido essa informação. (Informações do jornal O Povo/ Foto: Reprodução/PRF).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: