Esporte

Campeã da Copa, França já tem base para o Catar em 2022

Bicampeã mundial após vencer a Croácia por 4×2 na grande final da Copa da Rússia no último domingo (15/7), a França, se quiser, poderá repetir a base titular na busca pelo tri, em 2022, no Catar. Daqui a quatro anos, oito jogadores titulares do time campeão com Didier Deschamps poderão tranquilamente estar em campo de novo.

Estarão com idade avançada apenas o goleiro Lloris, que terá 35 anos em 2022, assim como o volante Matuidi e o atacante Giroud. Os oito titulares da equipe ainda terão a melhor condição de jogar em alto nível de competitividade – não que os outros não tenham, mas eles terão o cenário mais favorável.

Os laterais Pavard e Hernández terão 26 anos. Na zaga, Umtiti estará com 28 anos e Varane com 29. No meio, Kante terá 31, dois a mais do que Pogba, que fez uma excelente Copa do Mundo. No ataque, Griezmann estará com 31 e Mbappé apenas com 23 anos.

Reservas na Copa da Rússia também poderão reforçar o elenco, como o volante Tolisso (terá 27 anos), os meias Lemar (26) e Fekir (28), além do atacente Dembele (25) – que por sinal começou o Mundial como titular, mas perdeu a vaga para Giroud.

A derrota em casa para Portugal na final da Eurocopa de 2016 foi crucial no processo de renovação e rejuvenescida da seleção francesa. Titulares na ocasião, os laterais Sagna e Evra, além do volante Sissoko não foram sequer convocados, assim como o atacante Gignac, que entrou no decorrer do jogo. Já o zagueiro Koscielny e o meia-atacante Payet se lesionaram. Ou seja, nunca uma derrota foi tão bem assimilada e utilizada para melhorar a equipe. (Fonte: Terra e Agencias/ Fotos: AFP).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: