Polícia

Radialista da rádio Pontual FM é morto a pedradas no oeste de MG

O radialista Carlos Alberto da Silva, conhecido como Betinho, foi encontrado morto ontem em Cana Verde, na região Centro-Oeste de Minas. Segundo informações preliminares da Polícia Militar (PM), ele foi morto a pedradas e teve o rosto desfigurado. Silva tinha 39 anos e trabalhava na rádio Pontual FM, de Cana Verde.

O crime foi descoberto pela manhã, quando o corpo foi encontrado em um terreno baldio. De acordo com o portal da Associação Mineira de Rádio e Televisão (Amirt), vizinhos teriam ouvido uma discussão minutos antes e depois pedidos de socorro, até que o barulho cessou.

A polícia foi acionada e, quando chegou ao local, Carlos Alberto da Silva já estava morto. O corpo dele foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Lavras, também no Centro-Oeste, para ser necropsiado.

Até o fechamento desta edição, não havia informações sobre o suspeito de ter praticado o crime. A Polícia Militar de Cana Verde informou, na tarde de ontem, que a ocorrência ainda estava em andamento e que havia patrulhamento na rua em busca do autor do homicídio.

A polícia não informou o que teria motivado o assassinato. O caso segue para investigação da Polícia Civil.

Segundo o site G1, a funerária informou que não haveria velório. O corpo seria levado direto para a Igreja Matriz para uma celebração. Em seguida, seria enterrado no cemitério da cidade. A reportagem tentou contato com familiares, mas não conseguiu localizá-los ontem.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: