Justiça

Maitê Proença abre processo contra a Globo e pede R$ 500 mil de indenização

A atriz Maitê Proença abriu um processo contra a Globo, pedindo R$ 500 mil de indenização por direitos trabalhistas. Ela alega que não teve seu contrato renovado, sem aviso prévio, descobrindo da dispensa apenas pela imprensa, mesmo após os 37 anos trabalhando na empresa. A primeira audiência ocorreu na última terça-feira, 31, na 54ª Vara do Trabalho, no Rio de Janeiro. O processo terá sigilo na justiça.

Maitê atuou na novela Liberdade, Liberdade, em 2016, e não teve seu contrato renovado pela emissora. Em entrevista ao Roda Viva, da TV Cultura, ela revelou que descobriu a demissão pela imprensa, sem a empresa ter dado a ela nenhum aviso. Outros atores como Carolina Ferraz e Pedro Cardoso tiveram casos parecidos. Carolina também está na justiça e pede R$ 7 milhões de indenização.

A atriz convocou a própria filha, a advogada Maria Proença Marinho, para representá-la na Corte. Além dela, contratou também o advogado Tulio Claudio Ideses. A Globo não quer se manifestar sobre o caso.

A estreia de Maitê nas telinhas foi em 1979, na TV Tupi. O ingresso na Globo ocorreu no ano seguinte. A atriz interpretou personagens importantes na emissora, como uma das Helenas de Manoel Carlos (em Felicidade, de 1991).  Informações do jornal O Povo.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: