Política

Kalil se licencia para ajudar Ciro a chegar no segundo turno

Na reta final, o candidato a presidente pelo PDT Ciro Gomes terá um reforço na campanha em Minas Gerais, segundo colégio eleitoral do país, com potencial para definir o pleito. Depois de declarar oficialmente apoio a ele, o prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PHS) se licencia do cargo a partir desta sexta-feira (28), sem receber salário, para ajudar a tentar levar o presidenciável para o segundo turno.

De acordo com a assessoria do prefeito, a licença, que vai até o dia 5 de outubro, será para o prefeito passar por alguns exames de rotina e se dedicar às campanhas de Ciro e, ao Senado, do jornalista Carlos Viana, que é do partido de Kalil.

No mesmo dia que anunciou o afastamento de uma semana, Kalil postou mensagem no Twitter a favor de Ciro. “Pessoal, vamos pôr a mão na consciência. Dá tempo”, disse na mensagem que fixou no topo de sua página nessa quinta-feira.

Com ela, Kalil divulgou o vídeo de uma visita que fez com o presidenciável ao Aglomerado da Serra.

‘Turma querida de Minas’

Ciro voltaria a Belo Horizonte na quinta-feira (27), mas cancelou por causa da pequena internação que precisou fazer para cauterizar vasos sanguíneos na próstata. Ele divulgou vídeo aos mineiros dizendo que fará de tudo para voltar ao estado antes da eleição.

“Turma querida da minha amada Minas. Amanhã, estaria aí com vocês, mas os médicos pediram e vou ter que adiar nosso encontro. Até o fim da campanha, vou fazer de tudo para dar um pulo aí e abraçar minhas irmãs e meus irmãos mineiros que estão me ajudando a mudar o Brasil”, disse.

O presidente do PDT de Minas Gerais, deputado federal Mário Heringer, afirmou estar organizando uma agenda para Ciro voltar ao estado nos últimos dias de campanha.

“Ele não pôde fazer a agenda de ontem por motivos óbvios, em razão da cirurgia, mas estamos trabalhando uma agenda para ele já no início da semana que vem. Ele pretende voltar pelo menos mais duas vezes a Minas, então a gente vai ter que fazer uma agenda forte para ele”, disse Heringer. (Fonte: Jonral O Estado de Minas).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: