Educação

Instituto Anísio Teixeira celebrará 35 anos em importante Seminário

Nos próximos dias 12, 13 e 14 de novembro, o Instituto Anísio Teixeira – IAT promoverá uma grande festa em comemoração aos seus 35 anos de fundação. Para tanto, foi definida uma vasta programação, contando com mesas redondas, palestras, oficinas, workshops, exibição de documentário histórico, cerimônia de premiação dos vencedores dos concursos “Prêmio IAT de Redação” e de “Socialização de Práticas Inovadoras” (comunicações orais), além de exposição fotográfica e apresentações culturais.

O evento deverá contar com as presenças do governador Rui Costa, do secretário da Educação, além de diversas outras autoridades ligadas às áreas de educação, cultura e política do estado da Bahia.

A programação prevê debates de importantes temáticas, como: “As Contribuições do Instituto Anísio Teixeira para a Educação no Estado da Bahia”, com Alfredo Matta (Ufba), Marcelo Farias Pinheiro (Professor do NTE-27) e Ana Cristina Rangel (IAT); “Educação a Distância e Tecnologias Educacionais”, com Leticia Machado dos Santos (IAT) e Geraldo Seara (IAT); “Formação Continuada de Professores: (Re)pensar os Processos Pedagógicos numa Perspectiva da Educação Contemporânea”, com Andreia Maria Pereira de Oliveira (Ufba), Marize Souza Carvalho (Ufba) e Luís Márcio Santos Farias (Ufba);

Outro ponto importante da programação será a mesa redonda com o tema “Anísio Teixeira: vida, obra e contribuições para a educação contemporânea”, tendo como palestrantes os professores João Augusto Rocha (Ufba), Maridaura Leda de Almeida Vita (Escola Parque) e Iracy Silva Picanço (Ufba). 

Durante o evento estão previstas também palestras como “Aspectos relacionados aos processos de ensino: aprendizagem por meio das metodologias ativas”, com Charbel Niño El-Hani (Ufba); “A Evolução da Educação no Brasil”, com Roberto Sidnei Alves Macedo (Ufba); “O legado de Anísio Teixeira para a Educação e as Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC)”, com Yuri Wanderley Bastos (Ufba).

Diretor do Instituto Anísio Teixeira, Matheus Barreto Gomes destaca a importância da programação para celebrar os 35 anos do órgão. “Nossa preocupação era fechar uma programação que estivesse à altura do evento. Creio que, com a participação de educadores e pesquisadores renomados em todo o Estado, nós estamos atendendo a essa expectativa”, disse o diretor.

Prêmio IAT de Redação

No último dia do evento acontecerá a cerimônia de premiação dos vencedores do “Prêmio IAT de Redação” e de “Socialização de Práticas Inovadoras”. Os concursos irão premiar as melhores produções textuais (inéditas) de autoria de professores, coordenadores pedagógicos e estudantes do Ensino Médio da Rede Pública Estadual de Ensino e as melhores práticas de gestão educacional ou administrativa.

Os cinco melhores colocados de cada categoria terão os seus trabalhos publicados numa revista (versão digital) a ser lançada em evento comemorativo pelos 35 anos do IAT. Os três melhores colocados de cada categoria receberão como prêmios: 1º lugar um Notebook, 2º lugar uma Smart TV e 3º lugar um Home Theater.

Histórico

O Instituto Anísio Teixeira foi fundado no dia 01 de junho de 1983, durante a gestão do governador João Durval Carneiro. O seu inspirador foi o Dr. Edivaldo Machado Boaventura, que era o Secretário de Educação da época. O primeiro diretor foi Hildérico Pinheiro, professor muito ligado ao mestre Anísio Teixeira, patrono do órgão.

O foco inicial do IAT foi desenvolver estudos e pesquisas, que tinham como objetivo levantar dados para dar suporte aos professores e proporcionar a melhoria do ensino público na Bahia. Depois, a partir do início da década de 90, com a construção do Centro de Aperfeiçoamento de Professores, o foco passou a ser o de treinamento e aperfeiçoamento dos profissionais de educação da rede pública estadual. Milhares de professores foram treinados, inclusive com parcerias com diversas universidades.

O atual diretor é Matheus Barreto Gomes, que tem dado continuidade à política de formação de professores e experimentação de projetos, além de incentivar o desenvolvimento de pesquisas na área educacional.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: