Justiça

Jaguarari: Juíza deixa Fórum sob vaias e intensos protestos

Na tarde desta terça-feira (30) a juíza da comarca de Jaguarari, no centro norte da Bahia, deixou o fórum local sob intenso protesto de milhares de populares, que maciçamente cobravam o cumprimento da decisão judicial do Tribunal de Justiça da Bahia, no sentido da recondução de Everton Rocha ao cargo de prefeito do município.

Os populares, que já comemoravam a volta do prefeito, ao tomarem conhecimento que a juíza havia indeferido o retorno do mesmo, sob a fundamentação de mais uma decisão interna corporis de um processo de cassação político-administrativo realizado pela Câmara de Vereadores contra o prefeito, quando o mesmo nem sequer mandato possuir, pois a própria Câmara já o tinha cassado, uma multidão revoltou-se, tomando a frente do fórum e proferindo palavras de ordem, entoando os dizeres“ Queremos Justiça” e “Respeite a democracia”.

Já no final do expediente, quando a magistrada apareceu, foi recepcionada com intensas vaias e cobranças de explicações pela multidão, que impossibilitava a saída da magistrada do estacionamento do fórum e só com a chegada da escolta da Polícia Militar conseguiu deixar o local. O manifesto jamais foi visto na história de Jaguarari.

Durante todo o tumulto as pessoas cobravam exaustivamente da magistrada as razões de mais um adiamento da audiência do Presidente da Câmara no caso dos servidores fantasmas, noticiado em toda Bahia, onde o presidente, apesar de ter confessado o suposto crime, até o dia hoje nunca fora afastado, nem sequer realizada audiência de instrução do caso, já tendo existido três adiamentos consecutivos pela juíza local.

A magistrada só conseguiu sair do fórum pela contramão, com a ajuda da Polícia Militar, que de forma ágil e habilidosa, acalmando os ânimos da população, conseguiu fazer um corredor, por onde o carro da mesma seguiu, deixando o fórum local, sob intensas vaias e protestos da multidão.

Em contato com os advogados do prefeito eleito Everton Rocha, os mesmos asseguraram que as medidas legais para restabelecer a democracia no município de Jaguarari, com a recondução do prefeito eleito já foram adotadas e que logo as respostas chegarão de forma definitiva, porque o direito é liquido e certo e assiste a Everton Rocha, conforme o próprio Tribunal de Justiça da Bahia, já se posicionou nas recentes decisões proferidas. (Informações Blog Netto Maravilha).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: