História

Riachão: Morre Padre José Lino no Unimed de Feira de Santana

Morreu na manhã desta segunda-feira (10), no Hospital Unimed, em Feira de Santana, aos 56 anos, o Padre José Lino de Oliveira, vigário da Sociedade das Divinas Vocações, que trabalhava na Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Riachão do Jacuípe. Mais conhecido por Padre Lino, ele foi  internado após ter contraído uma forte tuberculose, mas foi piorando e depois acometido de uma pneumonia.

Nos últimos dias, o quadro de saúde de Padre Lino se agravou, com os fiéis e toda comunidade católica se somando em orações. “Desde que ele saiu de Riachão para se internar em um hospital em Feira de Santana, o quadro já não era bom, mas a igreja não trouxe isso a público para não passar desespero para as pessoas”, disse uma religiosa ao Interior da Bahia.

Padre Lino nasceu em Riachão do Jacuípe, na região da Santana. Antes de ser transferido para a sua cidade natal, ele estava no Rio de Janeiro. Envolvido nas causas sociais e culturais da região, o padre  também gostava de frequentar as sessões da Câmara Municipal para cobrar ações em beneficio da comunidade.

Toda a comunidade católica de Riachão do Jacuípe e região lamentou através das redes sociais a morte do Padre. Assim que a noticia chegou à cidade, mensagens foram disparadas pelos grupos de WhatsApp. De acordo com informações, o corpo será velado na Igreja Matriz de Riachão do Jacuipe e o sepultamento acontece nesta terça-feira, às 16h.

To Top
%d blogueiros gostam disto: