Interior da Bahia

Política

Partido Novo cobra taxa de R$ 4 mil em seleção para candidatos nas eleições municipais de 2020

O partido Novo abriu processo seletivo para definir os candidatos nas eleições municipais de 2020 em pelo menos oito cidades, entre elas Fortaleza. O edital informa que, após a primeira fase, os classificados devem se filiar ao Novo e pagar uma taxa de R$ 4 mil antes das etapas seguintes. As inscrições seguem até 15 de outubro.

Para se filiar ao Novo, os classificados devem pagar uma taxa de R$ 4 mil

Além da Capital, a seleção também está aberta nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador e Recife. Em Fortaleza, há a expectativa de que o dirigente Geraldo Luciano, filiado ao partido desde novembro de 2018, esteja entre os nomes considerados para a disputa.

Após a sua saída da vice-presidência de Investimentos e Controladoria e do cargo de diretor de Relações com Investidores do Grupo M. Dias Branco, Luciano negou que assumiria cargo no governo de Camilo Santana (PT) ou de Jair Bolsonaro (PSL), conforme O POVO publicou em novembro de 2018.

A filiação ao Novo ocorreu depois de seu desligamento do PSDB por não ter “maiores vínculos com o partido”. À época, Luciano afirmou que a sua entrada no Novo havia se dado por afinidades com a proposta da legenda, que, segundo ele, é o que existe de “novidade para contribuir com a política brasileira”. Naquele momento, o empresário desconversou sobre a possibilidade de vir a concorrer nas eleições de 2020.

Até agora, ele ainda não confirmou se irá de fato entrar na briga pela Prefeitura de Fortaleza. “Algumas pessoas têm colocado meu nome porque eu preencho algumas partes desses requisitos, mas não tem nada certo”, garante. Para se candidatar ao posto, o dirigente teria que abrir mão do comando do diretório estadual.

De acordo com ele, todos os possíveis candidatos ao Executivo municipal do partido passarão pela seleção. Mesmo aqueles que já são filiados ao Novo terão de encarar o processo porque a sigla “entende que o político não pode ser treinado depois, já precisa ter experiência em gestão”.

Para se tornar postulante à Prefeitura em 2020, o candidato se submete a um processo em três etapas, todas elas eliminatórias, não cabendo recurso.

A primeira fase, gratuita, consiste em envio das informações pessoais e profissionais a um dos dois sites disponibilizados pelo partido. Caso seja aprovado nessa etapa, o candidato deve se filiar ao Novo no link fornecido pela legenda (caso ainda não seja filiado) e pagar a taxa de inscrição de R$ 4 mil.

Assim, ele participará de entrevistas e testes comportamentais realizados por uma empresa especializada em recrutamento.

A terceira e última fase, por sua vez, compreende entrevista com um comitê de avaliação formado por membros dos diretórios nacional, estadual, municipal e dos departamentos de Apoio ao Candidato e de Apoio ao Mandatário.

Nessa fase, o interessado na vaga desenvolve um texto sobre o município atualmente, os principais desafios e breve plano inicial de ação, caso eleito.

Todas as respostas sobre aprovação em etapas da seleção serão enviadas via e-mail.

Serviço

Se candidatar ao partido Novo para as eleições de 2020

Período: 16 de abril de 2019 a 15 de outubro de 2019

Sites: https://novo.org.br/ e https://querosercandidato.novo.org.br/

(Fonte: Jornal  O Povo)

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas