Polícia

Torcedor do América provoca; PM aborda ônibus e encontra drogas e explosivos; todos à delegacia

Três integrantes da torcida organizada do América de Natal, conhecida como Máfia Vermelha, foram conduzidos pela polícia de Riachão do Jacuípe, neste domingo (07), após trabalho de monitoramento da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Nordeste. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), a abordagem foi planejada após uma foto circular no WhatsApp, com um dos integrantes segurando um revólver e com uma legenda informando que iria ‘envadir a Bahia’. 

O ônibus que conduzia a Máfia Vermelha foi abordado antes de chegar a Riachão

O ônibus, que trazia o trio e cerca de 50 torcedores para assistir à partida entre Jacuipense x América-RN, válida pelo Campeonato Brasileiro da Série D, foi interceptado na BA-120 (Riachão a Coité), por guarnições da Cipe Nordeste e da 90ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Riachão do Jacuípe).

‘torcedor’ do América que postou a mensagem não veio, segundo o Comando da PM

As equipes montaram a barreira e, ao identificar que se tratava do transporte que trazia o grupo, iniciou o procedimento de abordagem, sendo encontrados com três torcedores fogos de artifícios e porções de drogas. O trio, que assumiu a posse, foi conduzido para a delegacia de Riachão do Jacuípe, sendo registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência e só então foram liberados.

Mais confusão

No estádio, durante e após a partida entre Jacuipense 1×0 América-RN, alguns torcedores se exaltaram, exigindo novamente uma ação da Policia, que teve muito trabalho para conter o tumulto, que por pouco não se transformou numa tragédia.

A Policia encontrou drogas e explosivos no ônibus com os torcedores (Foto: Policia Civil)

Insatisfeitos com a eliminação do América, um grupo de torcedores que estava numa área isolada da arquibancada, passou a jogar pedras e objetos contra os torcedores do Jacuipense.

Em outro foco, dois torcedores, numa atitude ousada, partiram para rasgar as faixas alusivas ao Jacuipense, colocadas sobre o alambrado. Em outro foco de crise, alguns torcedores do América partiram para invadir o vestuário da equipe potiguar, inclusive agindo com violência sobre o porteiro e conseguindo avançar.

Não fosse alguns torcedores locais, os próprios jogadores do Jacuipense e a Policia, todas essas cenas poderiam ter tido consequências bem maiores. (Ver outra matéria depois no Interior da Bahia).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas