Polícia

Dor e desespero na 324; batida de caminhão em ônibus de Capela deixa cinco mortos e doze feridos

Muita dor e sensação de desespero na noite desta segunda-feira (08) após o acidente com um micro-ônibus da Secretaria de Saúde do município de Capela do Alto Alegre, localizado na Bacia do Jacuípe, deixando vários mortos e feridos. O acidente aconteceu na BR-324, no povoado de São João, que pertence a Candeal, trecho entre Riachão do Jacuípe e Tanquinho. O micro-ônibus retornava com pacientes de Salvador para o município de Capela, a cerca de 80 km de Riachão.

O local do acidente, no Povoado de São João, no município de Candeal

O micro-ônibus era do Tratamento Fora de Domicílio (TFD), que prestava serviço para a Secretaria de Saúde de Capela do Alto Alegre. No momento do acidente, o veículo estava retornando de Salvador com os pacientes. Segundo as informações, no São João, o motorista tentou reduzir a velocidade do micro-ônibus para fazer a passagem pelo quebra-molas, mas bateu violentamente no fundo do caminhão, que estava à frente, quando então aconteceu o grave acidente.

O motorista do micro-ônibus, Jânio Prado Maciel, de 56 anos, morreu no local

As vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e por ambulâncias da Anjos Jacuipenses para o Hospital Municipal de Riachão do Jacuípe.

O motorista do micro-ônibus, Jânio Prado Maciel, de 56 anos, e o aposentado Benício Guedes de Oliveira, 76, morreram no local. Já José Mário dos Santos, 55, morreu a caminho do hospital. Os dois últimos são do povoado de Vargem Queimada, em Capela do Alto Alegre.

A enfermeira Carla Rios, moradora de Ipiraí

Ao todo, o micro-ônibus transportava 16 pessoas, sendo que três morrem logo após o acidente e treze ficaram feridos, destes sete em estado grave. Mais tarde, após os primeiros socorros no hospital de Riachão do Jacuípe e serem transferidas para Feira de Santana, morrerem também a enfermeira Carla Edísia Rios, moradora do povoado de Ipiraí, além de Eulália Peixoto, conhecida por Lalinha. Não foi informado se o condutor do caminhão sofreu algum ferimento.

A movimentação foi intensa no Hospital Municipal de Riachão do Jacuípe e a equipe de médicos e enfermeiros teve que trabalhar muito para socorrer as vítimas. Do lado de fora, muitas pessoas também se aglomeraram buscando informações e outras tentando ajudar.

Quase todas as vítimas foram socorridas para o Hospital em Riachão do Jacuipe

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local, mas não informou a causa do acidente, embora adiantasse que chovia no momento. As policias Militar e Civil também se fizeram presentes, assim como a equipe da Brigada Voluntária Anjos Jacuipenses e populares, todos tentando ajudar as vítimas, já que algumas delas ficaram estendidas no chão após a colisão e outras presas às ferragens.

Em Capela do Alto Alegre, o prefeito Dr. Nei decretou luto oficial por três dias. As aulas também foram suspensas e as repartições públicas fechadas nesta terça-feira. (Da redação/ Fotos: redes sociais).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas