Esporte

Presidente do Bahia vai a BH e visita o Cruzeiro; Éderson é pauta

O Núcleo Dirigente Transitório do Cruzeiro recebeu, na tarde desta segunda-feira (20), na Sede Administrativa, o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani. Se a primeira conversa foi para tratar sobre experiências de gestão, o segundo encontro, marcado para esta terça-feira, será de negócios.

Éderson acionou o Cruzeiro na Justiça, mas clube celeste busca o acordo (Foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)

O Superesportes apurou que uma das pautas é o futuro de Éderson, que interessa ao Tricolor. O clube, inclusive, oficializou esse desejo numa carta de intenção que foi anexada ao processo do jogador contra o Cruzeiro. Na Justiça, o volante pede a rescisão do contrato com a Raposa, além de multa de R$ 2,6 milhões por atrasos nos pagamentos de benefícios.

Coincidência ou não, a direção de futebol do Cruzeiro também tem na agenda, para esta terça-feira, uma reunião com César Godoy, agente de Éderson. O estafe do jogador busca uma negociação para que o processo seja finalizado e o meio-campista consiga voltar a atuar por outro clube sem a necessidade de aguardar a audiência, marcada apenas para 10 de fevereiro. O nome do experiente meia Regis, de 27 anos, do Bahia, foi colocado como uma possibilidade numa eventual troca. Mas como ainda não há tratativa de fato, clubes e até estafes avaliam internamente que é prematuro projetar qualquer tipo de acerto neste momento.

Éderson não comparece aos treinos do Cruzeiro desde 9 de janeiro, quando faltou aos trabalhos sem dar qualquer justificativa ao clube. Os detalhes do processo se tornaram públicos e, desde então, ele realiza atividades com profissionais de preparação física contratados pelo seu estafe.

Éderson, de 20 anos, tem 60% dos direitos econômicos ligados ao Cruzeiro, que pagou, ao todo, R$ 1,25 milhão ao Desportivo Brasil, de São Paulo. O contrato firmado em julho de 2019 é válido até agosto de 2023.

Em 2019, Éderson foi um dos poucos destaques na participação desastrosa do time celeste no Campeonato Brasileiro – rebaixado à Série B em 17º lugar, com 36 pontos em 38 rodadas. Em 21 jogos na competição, marcou dois gols. (Fonte: O Estado de Minas).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas