Saúde

Mossoró: Médico morre após combater o isolamento social

O médico cirurgião, Élio César Marson, de 52 anos, morreu na última quinta-feira (16), no município de Mossoró, no Rio Grande do Norte, por conta do coronavírus, três semanas após militar nas redes sociais contra o isolamento social.

Élio César Marson, 52 anos, morreu na última quinta-feira (16), na cidade de Mossoró (RN)

Defensor do presidente Jair Bolsonaro, a última publicação do médico nas redes sociais foi endereçada ao Aliança pelo Brasil, organização política que o presidente pretende transformar em partido: “Idosos em casa. Crianças na escola. Jovens e adultos na faculdade e trabalho. E vida que segue. #BolsonaroTáCerto”, diz a publicação, que foi apagada.

Em outra postagem, o médico também diz que o coronavírus tem torcida organizada, incluindo os governadores e a imprensa.

Élio foi a sétima pessoa a morrer da Covid-19 em Mossoró, após ficar 15 dias internado.

To Top
%d blogueiros gostam disto: