Política

Ciro Gomes diz que o presidente Bolsonaro é um ditador em pânico

Em entrevista à Rádio Bandeirantes nesta quarta-feira, o ex-ministro Ciro Gomes destacou a importância da Polícia Federal, cuja independência sob o governo de Jair Bolsonaro está ameaçada.

Ciro: “Bolsonaro tem alma autoritária, de tempos de ditadura” (Foto: Thais Mesquita/O Povo)

“A PF é construída na base do mérito, a garotada se qualifica, tem mecanismos de controle e precisamos confiar na PF. São décadas de esforço que não podem ser jogadas no lixo porque Bolsonaro está zangado com o ministro que ele escolheu”, disse.

Ciro também se mostrou indignado com a indiferença e a frieza de Bolsonaro ao comentar, na véspera, o número de mortos pelo novo coronavírus no Brasil. Para o pedetista, Bolsonaro é um ditador em pânico.

“Bolsonaro tem alma autoritária, de militar de tempos de ditadura. Todo ditador tem duas características: não consegue conviver com controle, não admite que ninguém controle. Congresso Nacional, Ministério Público, imprensa são órgãos de controle e ele vai ter problema com todos eles porque nunca treinou, nunca foi prefeito, governador. Outra coisa do ditador está nessa frase: é a impotência, não saber conviver com aquilo que não está no poder do ditador. Aí ele diz, de forma pouco empática e desrespeitosa com o luto de milhares de brasileiros, porque são mais de 5 mil mortos, afinal, não há testes, e ele diz isso porque está impotente, não sabe o que fazer. Isso revela um pânico na cabeça de um ditador”, completou Ciro. (Fonte: O Povo).

To Top
%d blogueiros gostam disto: