Saúde

Riachão: Covid-19 avança na região e desafia autoridades

A evolução da Covid-19 nos municípios do Território do Sisal e Bacia do Jacuípe confirma que a doença está mesmo se espalhando pelo interior, merecendo uma atenção especial das autoridades estaduais e municipais. Contudo, por enquanto, ainda são os grandes centros os responsáveis pela maior fatia no número de óbitos registrados no País, que já passa de 44 mil.

Os municípios da região têm aplicado poucos testes para detectar os efeitos da doença

Em Riachão do Jacuípe, um novo boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, nesta segunda-feira, dia 15, trouxe a confirmação de mais 06 casos da doença, saltando de 24 para 30. Três pessoas ainda aguardam resultados dos exames, 97 estão em monitoramento, com 01 óbito, enquanto que 17 pessoas já estão curadas da Covid-19.

Em Riachão, uma barreira na entrada da cidade passa a maior parte do tempo sem ninguém

Outro município que teve um aumento considerável em números de casos positivos de Covid-19 foi Nova Fátima, com 22 registros, desse total 14 pessoas estão curadas, com 01 óbito, 166 descartados e 07 casos ativos. Um fator que pode ter contribuído para esse crescimento da doença no município é o baixo índice observado em estudos em relação ao isolamento social, onde foi registrado nesta segunda-feira o pior desempenho do Território da Bacia do Jacuípe, e entre os três piores índices levando-se em consideração todos os 417 municípios baianos.

Não se pode dizer diferente sobre o município de Candeal, na Região do Sisal, onde até o final do mês de maio não havia sido registrado nenhum caso da doença, mas avançou com muita força nos primeiros dias de junho. Isso tem sido motivo de preocupação pela forma como tem se acentuado esses números no Povoado de Belo Alto, que já contabiliza 20 casos, do total de 23, até a última atualização oficial da equipe de Saúde e Vigilância Epidemiológica nesta segunda-feira, dia 15. Sete pessoas estão recuperadas, existem 04 suspeitos e 17 casos descartados.

A situação mais grave em Candeal está no Povoado de Belo Alto

Já em Serra Preta, o quadro não tem muita melhora sobre a quantidade dos casos positivos para Covid-19, que subiu rápido de 04 casos para 13, obrigando a equipe de saúde do município tomar medidas drásticas em alguns setores da administração. O foco principal está na Unidade Básica de Saúde (UBS), localizada em Morro do Curral, que domina a maioria dos infectados no município. Vale salientar que Serra Preta já registrou um óbito pelo novo coronavírus.

Dentro do Território da Bacia do Jacuípe, Pé de Serra tem a condição mais confortável, com 05 casos positivos, 41 suspeitos, 11 descartados, uma pessoa já recuperada e 44 pacientes sendo monitorados pela equipe epidemiológica.

To Top
%d blogueiros gostam disto: