História

Salve Canudos! Hoje, os 123 anos da morte de Antônio Conselheiro

Nesta terça-feira, 22 de setembro, rememoramos os 123 anos (1897-2020) da morte de Antônio Vicente Mendes Maciel, o célebre Antônio Conselheiro, fundador do povoado de Canudos, em 1893, no sertão da Bahia.

Antonio Conselheiro morto (Foto: Flávio de Barros)

Líder de Canudos, Antônio Conselheiro nasceu em 1830, em Quixeramobim, no Ceará, de onde partiu pregando pelos sertões, fundando igrejas e cemitérios, até chegar ao arraial do Belo Monte, mais conhecido por Canudos.

Para o cineasta Antônio Olavo, uma das maiores autoridades sobre a temática de Canudos “Conselheiro foi um grande líder negro, que durante a monarquia pregou contra a escravidão e a República, que não distribuiu a renda nem a terra, não democratizou o poder político e nem reduziu as desigualdades, agregou o povo negro numa comunidade cuja própria gênese desafiava o poder vigente, e por isso foi brutalmente destruída”.

Para relembrar essa data importante da nossa história, Olavo acrescenta: “Salve Antonio Conselheiro, detentor de uma trajetória de vida que o coloca como um dos mais importantes vultos da história do Brasil”.

To Top
%d blogueiros gostam disto: