Economia

Região de Canudos busca melhorias

A Uneb e a Secretaria de Planejamento do Estado da Bahia, juntamente com autoridades locais, discutiram formas de promover um desenvolvimento sustentável e criar melhorias de vida para a população da histórica região de canudos.

O Plano de Desenvolvimento Sustentável do Município de Canudos, elaborado sob orientação da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), foi apresentado ao secretário do Planejamento, Walter Pinheiro, nesta terça-feira (21) à noite, pelo pró-reitor de Planejamento da instituição de ensino superior e coordenador do projeto, Luis Paulo Neiva. Na reunião, que contou com a presença da deputada federal Lídice da Mata, do prefeito de Canudos, Arcenio Almeida, do reitor da Uneb, Lourisvaldo Valentim e de representantes do Fórum de Desenvolvimento Municipal de Canudos, foi solicitado a Pinheiro uma articulação do Governo do Estado junto às entidades locais a fim de viabilizar a proposta.

O projeto prevê o desenvolvimento local articulado para os municípios dos sertões de canudos. A iniciativa tem como base a participação comunitária e adota a idéia de desenvolvimento baseada na interação das dimensões econômico-tecnológica, sócio-cultural, ambiental e político-institucional.

O Secretário do Planejamento, Walter Pinheiro, ressaltou a importância do investimento na cultura e na preservação da memória da região de Canudos, mas afirmou que a prioridade na sua visão é garantir as condições de vida da população. “Acho que não só o município de Canudos como toda aquela região é merecedora de um conjunto de intervenções que passam pela questão da cultura e da preservação da memória, mas prioritariamente é importante criar as condições para que o povo daquela região possa viver, trabalhar e ter o seu sustento”, declarou.

De acordo com Pinheiro, o que o governo fará de imediato é a intervenção na região através dos programas Mais Alimentos, Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e Luz para Todos, além de priorizar os problemas relativos ao abastecimento de água, irrigação e assistência técnica aos produtores rurais. O secretário destacou ainda a necessidade de ações de fortalecimento dos arranjos produtivos locais, a potencialização do turismo e a capacitação de jovens para atuar no segmento, além do investimento na área de cultura, a exemplo da instalação de bibliotecas.

Luis Paulo Neiva mostrou-se otimista com o posicionamento do secretário. “Acredito que esse momento foi muito produtivo e superou nossas expectativas. O secretário Pinheiro captou a idéia do projeto que nós já vínhamos preparando há mais de um ano. Ele percebeu que é um projeto integrado de desenvolvimento local sustentável, que não trabalha apenas a questão econômica, que é preciso associar a questão da equidade social, a questão da preservação ambiental e, principalmente, que é necessário intervir rapidamente na infraestrutura produtiva”, avaliou.

Canudos

O município de Canudos, que pertence ao território do Sertão do São Francisco, situa-se, de acordo com os Índices de Desenvolvimento Econômico (IDE) e Social (IDS) fornecidos pela Superintendência de Desenvolvimento Econômico e Social da Bahia (Sei),  na 289º e 183º posições respectivamente, na escala de classificação dos 417 municípios do estado. Com uma população aproximada de 15 mil habitantes, Canudos está entre os municípios baianos mais frágeis no que tange à situação econômica e social, ocupando o 303º lugar no ranking estadual de desenvolvimento humano, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,59.

Fonte: SEPLAN

To Top
%d blogueiros gostam disto: