Cultura

Feira fará Tributo a Olney São Paulo

No próximo dia 07 de agosto, às 20 horas, na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), vai acontecer o Tributo a Olney São Paulo, uma “homenagem póstuma para manter viva na lembrança de Feira de Santana a obra do cineasta”.

A realização é da Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria de Cultura, Esporte Lazer e da Fundação Cultural Municipal Egberto Tavares Costa, e da Fundação Senhor dos Passos, através do Núcleo de Preservação da Memória Feirense. O evento póstumo marcará os 73 anos de idade que Olney São Paulo completaria se estivesse vivo. Neste 2009, foi completado o 31º ano de seu falecimento.

Na programação, consta a participação dos filhos Ilya São Paulo, que é ator e vem do Rio de Janeiro para a homenagem, e Olney São Paulo Júnior, que é músico e vem de Salvador. As homenagens constarão também de exposição de fotografias, exibição de filmes do cineasta (os títulos preciosos garimpados são surpresas), painel com Tuna Espinheira (“Trajetória Histórica do Cineasta”); José Umberto, Robinson Roberto e Roque Araújo (“Importância de Olney São Paulo”); e André Setaro (“Olney em Visão Crítica”).

“Em um país que despreza a memória cultural e histórica como o Brasil, onde reina o menosprezo, trata-se de um marco alentador”, considera Carlos Brito, da Fundação Senhor dos Passos. “O propósito é que não se perca um ícone da memória da cidade e que sua obra seja discutida por especialistas”, afirma o jornalista Dimas Oliveira, que coordena o evento.

Para Dimas, o objetivo é “manter viva na lembrança de Feira de Santana a obra de Olney São Paulo, bem como o fomento da cultura cinematográfica, através da pesquisa, do estudo, do intercâmbio e a preservação da memória”.

Nascido em Riachão do Jacuipe, Olney São Paulo viveu muito tempo em Feira de Santana, onde trabalhou no Banco do Brasil e desabrochou para o mundo do cinema.   

To Top
%d blogueiros gostam disto: