História

Cônsul japonês visita colônia em Teixeira de Freitas

Cidade conta com forte presença de japoneses que colonizaram o Brasil, incluindo o sul baiano.

A imigração japonesa no Brasil confere uma oportunidade para se discutir e mostrar a história da comunidade nipo-brasileira. Com o objetivo de aprofundar as principais questões que envolvem a presença japonesa e a imigração nikkei para o Japão, sua identidade e contribuições, com depoimentos de alguns dos protagonistas dessa grandiosa jornada, eles apresentaram os caminhos percorridos, suas experiências, permitindo reflexões sobre o passado e o presente.

A presença do Cônsul Geral do Japão Toshio Watanabe em Teixeira de Freitas reuniu autoridades e associados da Associação Cultural Esportiva Agrícola do Sul da Bahia. O Restaurante Lun Fun, foi palco de um empolgante jantar com direito a discursos e aplausos. Famílias tradicionais marcaram presença caracterizando ainda mais o estilo oriental.

O cônsul disse que estava feliz, pois existe uma história muito longa. São mais de 100 anos de relações entre Brasil e Japão. Em todas as partes do país há japoneses e seus descendentes que contribuem muito para o desenvolvimento da nação. Em Teixeira de Freitas, há muitos japoneses que produzem frutas, verduras e árvores (eucalipto). A cidade se desenvolve muito, com o trabalho dessa gente que se sente bem acolhida. “Estou visitando aqui, pela primeira vez, e achei a cidade linda. Estamos em reunião de patriotas e falaremos de costumes, desenvolvimento, cultura, esporte. Estamos unidos, não só de sangue, como culturalmente. Nosso intercâmbio é de coração, de amor e fraternidade”, declara o cônsul.

Massayuki Miyakawa, presidente da Associação em Teixeira de Freitas, agradeceu as presenças e disse que “este dia é um ato histórico para a colônia japonesa, porque trata da vinda do consulado ao Extremo Sul. Pela terceira vez, tivemos o privilégio de receber alguém tão ilustre. Para nós, é uma honra”.

Informações do Sul Bahia News

To Top
%d blogueiros gostam disto: