Política

Interior prestigia ato de entrega do titulo de cidadão baiano a Aécio Neves

Destacado pelo trabalho de modernização e eficiência da máquina administrativa de Minas Gerais, o governador Aécio Neves (PSDB) recebeu o título de Cidadão Baiano nesta quinta-feira (3) na Assembléia Legislativa. Vários prefeitos e lideranças do interior compareceram ao ato.

O prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta, e o vice-prefeito Paulo Aquino, ao lado do ex-prefeito José Ronaldo de Carvalho, de vereadores e diversas lideranças políticas feirenses formaram uma das maiores comitivas interioranas. O deputado federal Colbert Martins (PMDB) também compareceu à solenidade.

Isso sem contar que os três deputados que assinaram o projeto para outorga do titulo ao governador Aécio Neves também tem origem e base eleitoral no interior. Elmar Nascimento (PR), autor da emenda, tem base em Campo Formoso; Leur Lomanto Jr. (PMDB) e Paulo Azi (DEM), que subscreveram a emenda, tem base respectivamente em Jequié e Alagoinhas.

O prefeito Luiz Amaral, de Jequié, foi outro que marcou presença. Da terra do Deputado Leur Lomanto Jr., Amaral foi saudado e apresentado ao governador Aécio Neves durante o discurso do peemedebista. “Ali está, governador, o prefeito de minha cidade, o Luiz Amaral, um cruzeirense apaixonado como você”, disse Leur. No público também lideranças de Salinas das Margaridas e de várias outras cidades do Recôncavo e Região Metropolitana de Salvador.  

Aécio recebeu a quinta comenda da Assembléia Legislativa deste gênero, confessando a satisfação de se tornar conterrâneo de grandes nomes da história nacional nascidas nesta terra.

Ao avaliar os avanços no país, ele observou que ainda há muito o que avançar e obter novas conquistas visando tornar o país mais justo, de oportunidades para todos, através de projetos que libertem das amarras as regiões menos desenvolvidas. “Somos hoje o resultado dos trabalhos de diversos governos e do trabalho do povo brasileiro”, sentenciou.

Ao receber o título, Aécio revelou que já se sentia um baiano, uma vez que na região mineira onde nasceu, próximo à Bahia, os cidadãos se consideram “baianeiros”, ou seja, a fusão de baianos com mineiros.

O tucano também abordou sobre as amarras para o desenvolvimento no país, sua visão sobre os recursos oriundos do pré-sal visando o benefício de todo o Brasil, e os desafios para os cidadãos brasileiros. “Agradeço ao povo da Bahia o privilégio do título de Cidadão. Uma das maiores homenagens que já recebi ao longo de 30 anos de política, o salvo conduto para andar livremente como Cidadão Baiano”, declarou.

To Top
%d blogueiros gostam disto: