Meio Ambiente

Dia de campo incentiva o cultivo da araruta em Conceição do Almeida

Com o objetivo de revitalizar o cultivo da araruta na agricultura familiar, a Associação de Produtores Orgânicos do Recôncavo Baiano (Aporba), a Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical (Cruz das Almas) e a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA) realizam, na manhã de 10 de setembro, um dia de campo sobre a cultura.

O evento será na Fazenda Gurgel, em Conceição do Almeida. Tendo como principal característica a ausência de glúten, a araruta (Maranta arundinacea L.) é indicada especialmente aos portadores de celíase, doença caracterizada pela intolerância ao glúten presente no trigo, aveia, cevada e centeio e caracterizada principalmente por vômitos, diarréias, distensão abdominal e dificuldade na absorção dos nutrientes pelo organismo.

O amido da araruta é de fácil digestibilidade, sendo muito utilizado na produção de mingaus, doces, biscoitos e no engrossamento de molhos e cremes. As propriedades medicinais são inúmeras, servindo como analgésico, cicatrizante, depurativo, digestivo, diurético etc.

Alternativa

Para Jaeveson Silva, pesquisador da Embrapa, a araruta pode ser uma alternativa alimentar e econômica para a agricultura familiar do Recôncavo Baiano. “Pelas condições climáticas, ela é facilmente cultivada na região. Até agora, existem poucos produtores, mas o fato de ser um alimento saudável e nobre está abrindo mercado para a cultura, que estava em extinção”, afirma.

Em sua palestra, Jaeveson vai fornecer informações como espaçamento, consorciação de culturas, adubação, tratos culturais e controle de doenças.

As outras palestras serão sobre a história da planta e do cultivo, com o agrônomo Jorge Silveira (EBDA), processamento agroindustrial e caseiro, com Pedro Coni, produtor e presidente da Aporba, e comercialização, com o agrônomo Adelmo Pinheiro (EBDA).

A nutricionista paulista Neide Rigo, colunista da revista Caras e editora do Blog Come-se (http://come-se.blogspot.com), vai falar sobre o uso da raiz na culinária enquanto o pediatra e puericultor Antônio Sturaro, de Salvador, vai abordar a utilização na saúde infantil.

To Top
%d blogueiros gostam disto: