Economia

CNI diz que ainda é cedo para declarar o fim da crise

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) declarou nesta sexta-feira (11) que não se pode considerar que a crise econômica está completamente superada, mesmo como a anúncio de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), anunciado na mesma data pelo IBGE.

A CNI ressalta que apesar da melhora em relação ao trimestre anterior, ainda há retração de 1,2% do PIB, na relação com o segundo trimestre de 2008, o que demonstra claramente as perdas que ainda estão refletidas no mercado financeiro.

Segundo a entidade, esse quadro deve ser revertido apenas no último trimestre do ano e, no período de julho a setembro, a baixa relativa ao ano anterior ainda será revelada, o que demonstra que a economia não está tão recuperada assim na opinião da CNI. Melhoras na comparação anual só devem ocorrer a partir do próximo ano.

No setor industrial houve retração de 8,6% no primeiro semestre de 2009, na comparação com os seis primeiros meses do ano passado.  

Em contrapartida, a entidade também revelou que o PIB do setor industrial teve aumento de 2,1% na comparação com o período de janeiro à março, o que puxou o resultado total do PIB para cima.

To Top
%d blogueiros gostam disto: