Esporte

Jogos Abertos do Interior definem sedes da competição

As finais serão realizadas em Ilhéus e Itabuna, de 10 a 13 de dezembro.

Os municípios que vão sediar, este ano, a maior competição amadora do interior baiano – os Jogos Abertos- já foram escolhidos e divididos por oito zonais. São eles – Caetité e Miguel Calmon (10 a 12 de outubro), São Félix, Muritiba e Irecê (30 de outubro a 2 de novembro), Eunápolis e Barreiras (13 a 15 de novembro), Itaberaba e Jequié (27 a 29 de novembro). As finais serão realizadas em Ilhéus e Itabuna, de 10 a 13 de dezembro.

Entre as modalidades a serem disputadas estão basquete, vôlei, futsal, handebol, xadrez, vôlei de praia, natação, atletismo, ginástica rítmica e tênis de mesa, sendo que os esportes individuais e o vôlei de praia só serão disputados na fase final.

Os municípios interessados em participar do evento devem se inscrever pelos e-mails [email protected], [email protected] ou pelos telefones (71) 3117-7424 / (071) 3116-6976.

Aproximadamente 5.000 atletas participaram dos Jogos Abertos do Interior, em 2008. As equipes campeãs foram Santo Amaro (handebol masculino) e Senhor do Bonfim (feminino), Alagoinhas (basquete masculino) e Camaçari (feminino), Eunápolis (futsal e vôlei masculino) e Conceição do Coité (futsal feminino), Valente (vôlei feminino), Camaçari (atletismo), Santo Antonio de Jesus (natação) e Eunápolis (ginástica rítmica), Vitória da Conquista (judô masculino), e Santo Antonio de Jesus (feminino). No geral, a seleção de Vitória da Conquista foi à campeã do judô.

A competição começou em 8 de dezembro de 1964, na cidade de Feira de Santana, por meio de cidadãos comuns ligados ao esporte, também nas cidades de, Ilhéus, Juazeiro, Cachoeira, Jequié e Santa Bárbara. Nas primeiras edições, as modalidades disputadas foram voleibol (masculino e feminino), basquete e tênis de mesa (masculino).

O comando dos Jogos Abertos do Interior passou às mãos da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb) em 1988, quando o evento foi ampliado para todo o estado, exigindo a realização de zonais classificatórios em razão do grande número de participantes.

To Top
%d blogueiros gostam disto: