Educação

Antares inaugura quinta-feira o Museu de Ciência e Tecnologia

São esperados representantes da comunidade interna e externa da Uefs.A participação do governador Jaques Wagner também está prevista.

Está prevista para a próxima quinta-feira (24) a inauguração oficial do Museu de Ciência e Tecnologia do Observatório Antares, em Feira de Santana, a partir das 8h30.

O Museu, que foi aberto ao público já há alguns meses, é composto pelos projetos Parque Espacial e Parque dos Dinossauros, que possuem, dentre outros equipamentos, uma réplica de 11 metros do foguete Saturno 5, que realizou a viagem à Lua na Missão Apollo 11, em 1969, dois “gyrotecs” (ou “loconautas”), e réplicas de espécies de animais que viveram há milhões de anos no território brasileiro.

Segundo o diretor do Observatório Antares, Paulo Poppe, o objetivo dos novos projetos é beneficiar principalmente estudantes do ensino fundamental e médio oferecendo uma formação melhor quanto ao conhecimento da ciência.

 “O novo espaço visa promover a interatividade do aluno com a ciência, fazendo-o perceber que a física e a ciência é vivida no dia-a-dia nas coisas mais simples do cotidiano. Assim, vamos conseguir integrar a escola, o professor e a sociedade e melhorar a qualidade de ensino da ciência nas escolas”, salienta o professor Paulo Poppe.

Projetos Futuros

Novos projetos serão implantados para completar as atividades do Museu de Ciências. O espaço “Planeta terra: Eras e Épocas” apresenta a origem do universo há 13,7 bilhões de anos, o big bang e o cenário cósmico. Em seguida, o espaço “Planeta Terra” vai mostrar a formação da estrutura da Terra 4,5 bilhões de anos – as eras mezoica e cenozóica.

O projeto “Idade do Gelo” demonstra a formação das geleiras, a formação das temperaturas, florestas temperadas e a tundra congelada. A origem e a evolução do homem terão espaço garantido no Museu de Ciências. Serão colocados os sítios arqueológicos entre 10 milhões de anos até 10 mil anos, cavernas, ancestrais, período do bipedalismo, formação dos núcleos familiares.

A contribuição científica dos filósofos gregos será valorizada e terá espaço no Museu assim como a conquista espacial por Isaac Newton. 

Ascom/Uefs

To Top
%d blogueiros gostam disto: