Serviços

Feriadão deve levar mais de 180 mil pessoas ao interior

Mais de 60 mil pessoas devem passar pela rodoviária de Salvador com destino ao interior do estado por causa do feriado de 12 de outubro.

O feriado de 12 de Outubro deve levar mais de 180 mil pessoas para as cidades do interior baiano através do Terminal Rodoviário de Salvador e Sistema Ferry-boat, segundo estimativa da Agerba (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia).

A agência estadual adotou junto às empresas de ônibus do sistema intermunicipal e a TWB, concessionária do ferry-boat, medidas para agilizar o embarque nos terminais, assegurando aos usuários mais comodidade, conforto e segurança na viagem.

Pela Rodoviária de Salvador, devem deixar a cidade cerca de 60 mil pessoas. Além dos 540 horários normais oferecidos por dia, serão disponibilizados 300 horários extras para os usuários. O movimento da Rodoviária previsto para o feriado deste ano deve superar em 15% o verificado no mesmo feriado de 2008.

Até o momento, as cidades mais procurados são Porto Seguro, Itacaré, Ilhéus, Itabuna, Valença, Paulo Afonso, Juazeiro, Lençóis, Seabra, Cachoeira e localidades do Litoral Norte, como Praia do Forte, Imbassahy e Conde.

No ferry-boat, o movimento esperado é de 120 mil passageiros e de 14 mil veículos fazendo a travessia para a Ilha de Itaparica.

Rodoviária  

A Agerba recomenda aos usuários do sistema de transporte intermunicipal que evitem o transporte clandestino. Os veículos clandestinos não oferecem segurança, pois não são vistoriados e em caso de acidente deixam os usuários sem qualquer cobertura de seguro.

Para saber se um ônibus é do sistema regular e não clandestino, basta verificar se ele tem o selo e o número de ordem da Agerba, colocados sempre em locais visíveis da chaparia ou no interior, e o Certificado de Autorização de Tráfego (CAT).

Além de não oferecer segurança, o passageiro que pega o ônibus clandestino nunca tem certeza de que vai chegar ao seu destino, já que em vários pontos das rodovias a Agerba mantém blitze com a Polícia Rodoviária Federal e a Estadual.

Reclamações podem ser feitas à Ouvidoria da Agerba, todos os dias da semana, das 7 às 19 horas, através do telefone 0800 71 0080 (ligação grátis).

Agerba/Ascom

To Top
%d blogueiros gostam disto: