Polícia

Polícia estoura fábrica de CDs e DVDs piratas em Caetité

Mais de 16 mil CDs e DVDs “piratas” foram apreendidos nesta terça-feira (01), em Caetité, durante uma operação realizada pela equipe da delegacia local com o apoio do Ministério Público, Justiça, Polícia Militar e equipes da 22ª Coordenadoria Regional de Polícia.

Apontado como o maior distribuidor de material “pirateado” do sudoeste baiano, Raulino Alves Silva, o “Dozão”, 35 anos, foi preso juntamente com dois dos seus funcionários, identificados como Sandronay Pessoa da Silva e José Carlos Oliveira Aguiar.

Segundo informou o delegado titular, Wagner Marinho Pinto, cerca de 5 mil mídias, prontas para comercialização, cinco equipamentos para gravação de CDs e DVDs e impressoras utilizadas na confecção de capas e encartes foram apreendidas numa fábrica clandestina instalada na Rua Bela Vista, bairro Ovídio Teixeira.

Na residência de “Dozão”, um imóvel localizado no bairro de classe média alta Santa Rita, avaliado em R$ 500 mil, os agentes encontraram mais 11 mil mídias. Raulino Silva, que já havia sido preso anteriormente pelo mesmo crime, acabou autuado em flagrante pelo delegado Wagner Marinho Pinto, por crime contra a propriedade intelectual e formação de quadrilha. Sandronay Pessoa da Silva e José Carlos Oliveira Aguiar foram indiciados pelos mesmos crimes. Todo material apreendido será encaminhado para a perícia.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: