Educação

Funcionários do Inep decidem na véspera do Enem se entram em greve

Assembléia marcada para hoje, 4, irá decidir sobre greve. Funcionários querem unificação da tabela de tetos salariais.

Os funcionários do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) irão decidir em assembléia marcada para a próxima sexta-feira (4) – véspera da realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) – se entram em greve geral. Na última terça-feira, dia 1º, os funcionários aprovaram um indicativo de greve.

De acordo com a Associação de Funcionários do Inep, instituto responsável pela elaboração e fiscalização da prova do Enem, somente a assembléia, marcada para as 12h, decidirá se a greve irá impactar ou não a aplicação do exame.

Ainda segundo a associação, a principal reivindicação dos funcionários é a unificação da tabela de tetos salariais do Inep. Funcionários e direção do instituto estão em negociação e podem chegar a um acordo, afirma a associação.

Inep

O instituto confirma que há uma “movimentação entre os servidores do Inep em torno de reivindicações para a carreira”. De acordo com o Inep, a mobilização “em nada afeta a execução das provas do Enem no próximo final de semana”.

 “A direção da autarquia está em processo de negociação com os servidores para que também nenhuma das demais ações finalísticas do órgão sejam prejudicadas”, afirma o Inep.

Fonte: Portal IG

To Top
%d blogueiros gostam disto: