Política

Ministério Público anula concurso em Cafarnaum

Prefeito foi primeiro colocado no último concurso, sendo aprovado para a única vaga de médico oferecida. Conduta fere o princípio da moralidade.

Depois que algumas irregularidades foram detectadas no concurso público realizado no Município de Cafarnaum, localizado a 439 km de Salvador, o Ministério Público decidiu intervir.

O prefeito da cidade, Ivanilton Oliveira Novaes, foi aprovado em 1º lugar no concurso para a única vaga de médico. Desta forma, o MP irá anular a parte relativa à área de saúde do concurso.

Segundo a promotora de Justiça Edna Márcia Barreto de Oliveira, a anulação já foi decretada pelo prefeito e um novo edital foi publicado com o oferecimento da vaga para a área de saúde.
 
Edna Márcia Oliveira afirma que o prefeito não poderia concorrer a vagas oferecidas pelo concurso por ele realizado, pois tal conduta viola frontalmente princípios da Constituição Federal, como o da moralidade.

Informações do Ibahia

To Top
%d blogueiros gostam disto: