Cultura

Fiéis fazem homenagens a Nossa Senhora da Conceição em todo o país

Em Salvador, devoção começou em 1549. Em Recife, Morro da Conceição lota para as reverencias. Também há celebrações em outras capitais.

Hoje é dia de Nossa Senhora da Conceição. Em Salvador, nesta terça-feira (8), a comemoração começou por volta das 5h, com alvorada de fogos e oração de ofício, na Paróquia Nossa Senhora de Conceição da Praia, no Comércio.

Depois vieram as missas das 5h30, 6h30, 7h30 e 8h30 – que antecederam a principal, às 10h, celebrada por dom Geraldo Majella Agnelo, cardeal arcebispo de Salvador e primaz do Brasil.

Em seguida, os fiéis ganharam as ruas do Comércio para o cortejo que leva a imagem de Nossa Senhora da Conceição da Praia e do Deus Menino até a Igreja do Corpo Santo. A padroeira também foi homenageada com missas em Valéria, Lapinha, Periperi, Itapuã e Tororó.

A devoção à santa na capital baiana em é antiga e começou em 1549. Quando fundou a cidade, Tomé de Souza levou uma imagem da Nossa Senhora. Logo que chegou, o primeiro governador-geral mandou erguer uma cabana de palha para abrigar a imagem.

A celebração em Recife

Na capital pernambucana, essa é a maior festa religiosa. Milhares de fiéis sobem o Morro da Conceição para fazer orações e agradecer pelas graças alcançadas.

Hoje, logo cedo, a Praça do Morro já encontrava-se lotada para celebrar o nono e último dia de Festa do Morro da Conceição. Caravanas de romeiros de todos os pontos da Região Metropolitana do Recife e interior do Estado estavam presentes. De acordo com o pároco do morro, Josivan Sales, nenhuma igreja ficou fazia e, a julgar pela quantidade de velas acesas, o número de visitantes aumentou em relação ao ano passado.

À medida que a manhã avançava, o sol ficava mais forte, mas pouco para impedir os fiéis que iam agradecer as graças alcançadas e pedir proteção. A cada duas horas era rezada uma missa, cada uma a cargo de um padre de diferentes bairros do Recife. As celebrações aconteceram sob uma tenda na Praça do Morro, pois a igreja passa por reconstrução.

E também há homenagens em outras capitais, como Manaus, Aracaju e São Luís.

Com informações do G1, do Correio e do JC Online.

To Top
%d blogueiros gostam disto: