Economia

População de Itabuna recebe geladeiras de baixo consumo

Enquanto os líderes mundiais se reúnem na conferência do clima, em Copenhague, e não chegam a um acordo sobre como reduzir o aquecimento global, na Bahia, uma ação simples mostra como a união entre o poder público e a iniciativa privada pode ajudar a resolver o problema.

Através da parceria entre o Governo do Estado e a Coelba, 512 moradores de Itabuna receberam, nesta quarta-feira (16), geladeiras novas de baixo consumo de energia e que não utilizam o CFC, gás que destrói a camada de ozônio.

“Com essas, já são 12 mil geladeiras entregues em toda a Bahia. O Governo do Estado entra com a isenção do ICMS, a Coelba com os recursos do programa de eficiência energética e os beneficiados com R$ 120”, explicou o governador Jaques Wagner, que participou da cerimônia de entrega dos refrigeradores. 

De acordo com o presidente da Coelba, Moisés Sales, a economia, em alguns casos, pode chegar a 70% do valor da conta. “As geladeiras têm o selo Procel de eficiência energética, são as mais econômicas fabricadas no Brasil,” garantiu. A Coelba investe 0,5 % do faturamento líquido no programa de eficiência energética.

Para receber a geladeira nova os interessados tinham que morar em bairros populares, consumir mais de 80Kwh/mês, possuir um refrigerador em estado precário de funcionamento, ser maior de 18 anos, não ter débitos com a Coelba e, na hora do recebimento, entregar a geladeira velha.

Informações da Agecom

To Top
%d blogueiros gostam disto: