Meio Ambiente

Geddel diz que 2010 marcará a recuperação ambiental do Oeste baiano

O ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, disse nesta terça-feira (22) que 2010 “marcará o Oeste baiano pela inauguração de uma nova política ambiental na região”.

No início de dezembro foi lançado o edital para contratação de empresa que vai começar o próximo ano realizando milhares de ações de recuperação das áreas que foram degradada pela expansão agrícola nas proximidades dos rios Carinhanha, Grande e Corrente.

Para a primeira etapa das obras serão liberados R$ 2,1 milhões, a serem investidos na recomposição 736 hectares de mata ciliar, na construção de 418 quilômetros de cercas de proteção de nascentes e matas ciliares, além da estabilização de dezenas de pontos de voçoroca (buracos de erosão) e da construção de mais de mais de mil barraginhas com dreno para prevenir erosões e assoreamento, entre outras obras de preservação nos três rios.  

No total, estão assegurados R$ 15,8 milhões para a revitalização desse grandes afluentes do rio São Francisco que tiveram cerca de 1,3 milhões de hectares de margens prejudicadas pelo desmatamento. “Se a intervenção não for feita com a urgência que exige, os danos ambientais se multiplicarão com sérias conseqüências para a sustentabilidade econômica da região”, disse o ministro Geddel, que denominou o conjunto dessas ações de Projeto Oeste. 

As obras integram o Projeto de Revitalização da Bacia do São Francisco e serão executadas pelo ministério em convênio com o governo da Bahia, através da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMA) com participação da UFBA (Universidade Federal da Bahia) e Ingá (Instituto de Gestão das Águas e Clima).

Dentro do Projeto Oeste também está sendo realizado o mapeamento do uso do solo, bem como o cadastramento das propriedades rurais com o intuito de definir, a partir do diagnóstico obtido, projetos de sustentabilidade ambiental naquela área que é considerada um dos principais celeiros agrícolas da Bahia.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: