Serviços

Mil processos podem ser julgados em Feira

A ação começou na manhã desta segunda-feira (4) e se estende até o dia 29 de janeiro na unidade da Avenida Maria Quitéria, que está funcionando para audiência e receber petição.

Com a mudança, a unidade do Centro de Atendimento ao Feirense (Ceaf) vai funcionar das 8 às 18 horas na sala do térreo e no primeiro andar. Em fevereiro o mutirão será realizado na Comdecon do Ceaf e a unidade da Maria Quitéria também passa a atender das 8 às 18 horas.

De acordo com o coordenador do órgão, Magno Felzemburg, são 19 mil processos existentes e, desse número, quatro mil foram julgados. “A quantidade de processos é muito grande e havia um histórico de pessoas para julgar muito pequeno. Agora nós temos duas unidades e uma estrutura maior”, observa.

Os processos a serem julgados são referentes a reclamações de consumidores, reclamações individuais e autos de infração ou notificações de processos coletivos. Na primeira semana do mutirão, conforme Magno Felzemburg, os processos são distribuídos entre 24 técnicos e os de auto de infração e notificação serão todos julgados, restando apenas os individuais.

“Vamos observar o resultado do mutirão e, se der tudo certo, poderemos voltar com este trabalho porque ficarão muitos processos pendentes”, afirma o coordenador.

To Top
%d blogueiros gostam disto: