Meio Ambiente

Chuva trava trânsito em São Paulo. Marginal Tietê pára com alagamentos

A chuva que atingiu São Paulo na madrugada desta quinta-feira (20) deixa vários pontos de alagamento na Marginal Tietê e na Pinheiros. Na região do Cebolão, o acesso está interditado nos dois sentidos devido a alagamento. Em toda a cidade há 49 pontos de alagamento.

A CET registra 84 km de congestionamento. Além do Cebolão, a Marginal Tietê registra os seguintes pontos de alagamento na manhã desta quinta-feira: Marginal Tietê com a ponte da Freguesia do Ó, pista local e expressa, sentido Castello Branco; Marginal Tietê com ponte das Bandeiras, pista expressa, sentido Castello Branco; Marginal Tietê com ponte Atílio Fontana, na pista expressa, sentido Ayrton Senna; Marginal Tietê com rua José Gomes Falcão, pista local, sentido Ayrton Senna; Marginal Tietê com avenida Alexandre Colares, pista local, sentido Castello Branco.

Um homem morreu soterrado após um desabamento, na Vila Anglo Brasileiro. De acordo com os bombeiros, trata-se do aposentado Roberto de Fazzio, de 75 anos, que morava na Rua Rifaina, na Pompeia (zona oeste). A terra de um barranco próximo deslizou com as águas da chuva e derrubou a casa da vítima.

Equipes também trabalham no resgate de mais quatro pessoas que ficaram sob escombros após desabamento no Jardim Novo Horizonte (zona sul).

Outro desabamento deixou seis vítimas na região do Grajaú, zona sul. Uma casa caiu sobre a outra na Rua Rio Icatu. Três adultos e três crianças foram soterrados. De acordo com os bombeiros, uma mulher e duas crianças já foram retiradas dos escombros com vida e encaminhadas ao pronto-socorro do Grajaú, em estado grave. Uma outra criança já foi localizada pelo choro, segundo informou o Corpo de Bombeiros.

Além destes, os bombeiros registraram outros três desabamentos, na Lapa (zona oeste), Jardim Jaragua (zona norte) e Parque Anhanguera (zona norte). Também foram registradas ocorrências de pessoas ilhadas dentro de carros.

Mais cedo, a chuva causou o transbordamento do córrego Jaguaré, no Butantã (zona oeste), do córrego Morro do ‘S’, em Campo Limpo (zona sul) e do rio Tamanduateí, no Ipiranga (zona sul), essas regiões ficaram em estado de alerta em torno de três horas.

CPTM informou que devido às fortes chuvas a circulação de trens está sendo realizada parcialmente nas Linhas 9-Esmeralda (Osasco-Grajaú) e 10-Turquesa (Luz-Rio Grande da Serra).

Com informações da Folha Online

To Top
%d blogueiros gostam disto: