Política

Itapetinga – Em entrevista, o ex-prefeito Michel Hagge rebate críticas petistas

Nesta semana, o ex-prefeito de Itapetinga e atual assessor da presidência da UPB – União dos Prefeitos da Bahia – Michel Hagge (PMDB) cedeu uma entrevista nesta semana, à Rádio Cidade FM de Itapetinga.

Na ocasião, o ex-prefeito com 82 anos de idade e 50 deles dedicados à vida pública, utilizou os microfones da emissora para se defender dos comentários do governador do Estado Jaques Wagner (PT), que visitou recentemente Itapetinga. Parte da insatisfação do peemedebista, tem origem na última visita de Wagner, quando este afirmou que as obras no bairro Vila Isabel foram paralisadas "criminosamente".

Hagge também se defendeu de como também de acusações direcionadas pelo atual governo municipal, que também é do PT. Durante a entrevista afirmou que em seus três governos nunca teve contas desaprovadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).  

Durante a entrevista o ex-prefeito comentou sobre alguns termos usados por Jaques Wagner (PT), atual governador do Estado durante sua visita a Itapetinga durante o programa “Saúde em Movimento”. Michel Hagge afirmou ter ficado surpreso com os comentários do governador petista.

Segundo Hagge, nenhum dos ex-governadores nunca se referiram com alguma dúvida sobre sua conduta. “Todos eles me trataram politicamente e não deixaram mágoas. Um governador jamais pode dizer uma coisa dessa. Se ele não sabe, se houve ou não houve, fique calado e mande apurar”, disse.

Hagge lembrou também do apoio dado na campanha para governo do Estado em 2006, quando Wagner foi eleito. “Eles acham que foram eles que ganharam a eleição para o governo. Eu acho que o PT está se achando o rei da cocada preta”.

Por Ramon Gusmão – Correspondente na Região Sudoeste

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: